Saúde

Rússia registra vacina COVID-19, filha de Putin já recebeu uma injeção

Rússia registra vacina COVID-19, filha de Putin já recebeu uma injeção


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

As empresas farmacêuticas em todo o mundo estão trabalhando 24 horas por dia para criar uma vacina COVID-19. Muitos já começaram os testes e estão até mesmo passando para os testes de Fase 3, que geralmente exigem meses de testes em milhares de voluntários saudáveis.

Na terça-feira, a Rússia registrou oficialmente sua vacina contra o coronavírus, dando-lhe luz verde para ser administrada a muitas pessoas do país.

A Rússia supostamente apelidou a vacina de "Sputnik" em homenagem ao satélite soviético, de acordo com a AFP.

VEJA TAMBÉM: BIONTECH E PFIZER'S COVID-19 VACCINE MOSTRAM RESULTADOS POSITIVOS

De acordo com AP, O presidente da Rússia, Vladimir Putin, falou em uma reunião governamental na terça-feira explicando que a vacina do país contra o coronavírus já provou resultados positivos suficientes e oferece uma imunidade duradoura contra o vírus.

#BREAKING A Rússia denomina a nova vacina contra o coronavírus 'Sputnik' em homenagem ao satélite soviético pic.twitter.com/vxqEZIrjcs

- Agência de notícias AFP (@AFP) 11 de agosto de 2020

Ao registrar a vacina como pronta para ser usada, a Rússia cumpriu sua promessa recente de "derrotar o Ocidente" para criar uma vacina contra o coronavírus. Inicialmente, o país pretendia lançar em setembro, mas parece que está pronto quase três semanas antes do previsto.

Segundo Putin, a vacina passou por testes adequados e mencionou que uma de suas duas filhas recebeu a vacina e está se sentindo bem.

A droga é desenvolvida pelo Instituto Gamaleya de Moscou e pelo Fundo Russo de Investimento Direto, de acordo com oJapan Times.

Conforme AP's relatório, as autoridades russas darão prioridade aos trabalhadores médicos, professores e outros grupos de alto risco para receber a vacina primeiro.

Essa notícia torna a Rússia o primeiro país a registrar uma vacina contra o coronavírus. No entanto, existem aqueles que estão céticos quanto às notícias de que a vacina ainda não passou pelos testes típicos de Fase 3, que geralmente levam meses e milhares de participantes para serem concluídos.

Também foram levantadas preocupações sobre a velocidade da vacina da Rússia, questionando se isso está muito intimamente ligado a uma vitória na corrida da vacina, abrindo caminho em vez de focar na ciência real por trás disso Los Angeles Times.

NOVO: O presidente russo, Vladimir Putin, diz que uma vacina contra o coronavírus desenvolvida no país foi registrada para uso e uma de suas filhas já foi inoculada. https://t.co/N6IICbqzX9

- ABC News (@ABC) 11 de agosto de 2020


Assista o vídeo: Rússia registra primeira vacina contra coronavírus, afirma Putin (Pode 2022).